terça-feira, 18 de maio de 2010

Iniciando...

Em busca de algo pra fazer devido ao tédio que traz um pé quebrado (acredite, é mais chato do que você está imaginando agora), me lembrei do quanto gostava quando tinha um blog. Pouco importava se alguém entrava ali, lia e sentia comigo o meu dia-a-dia. O gostoso era simplesmente escrever e reler... e ressorrir, ressentir, reviver.
Aqui vamos nós, mais uma vez, levando onde minha cabecinha permitir.

Para um primeiro dia, acho que vale dizer um pouco dos últimos dias.

Bom... estava tudo normal.... normal demais eu diria. No trabalho, após dois anos fazendo exatamente a mesma coisa, me parecia que estava congelada no tempo. Com todas as manhãs iguais. Até que meu copinho quase cheio d'água recebeu uma Tsunami: um imbecil, que não tem o menor respeito pela vida alheia, resolveu estragar um lindo sábado de sol. E eu? Pedi demissão!!! Mas, meu chefe não levou a sério.... nenhum deles na verdade. Então, Pai do Céu resolveu me pregar uma peça e a menina-moleque que sempre soube cair, por um instante não soube e acabou com um tombo de moto = tornozelo quebrado = cirurgia = 60 dias de molho.
Melhor forma de colocar a cabeça no lugar?! Depois as pessoas ainda dizem que Deus não escreve certo por linhas tortas.
Com isso fiz mudanças em minha casa, minha cama foi pra sala!! Meus pais almoçam em casa por minha causa. Meu irmão está um doce. Meus amigos todos me ligaram em 01 dia. Passei o dia com meu amor, mas ele me liga menos. Vi em torno de 20 filmes em 7 dias. Vou voltar a ler. Fiquei com votade de tomar Terere e bordar.

Vamos ver o que continuará a acontecer.... rs

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Twitter / ferzinharod